top of page

CUT e sindicatos se mobilizam em solidariedade à população do Rio Grande do Sul

Nível do Guaíba já atinge cinco metros acima do nível normal, ultrapassando marca histórica da enchente de 1941

ISABELLE RIEGER/SUL21

A cheia do Guaíba ultrapassou o nível histórico atingido na grande enchente de 1941, de 4,76 metros, o rio chegou na marca de 5,2 metros no sábado (4). A região das ilhas, a zona central, o extremo-sul e a região norte da capital Porto Alegre são as principais regiões de risco com a cheia do Guaíba. Na última sexta-feira (3), a CUT-RS auxiliou na locomoção e acolhimento de famílias das comunidades nas imediações da Arena do Grêmio em Porto Alegre.


Com o aumento no nível, a previsão de especialistas é de que em razão da grande entrada de água vinda do rio Jacuí, o Guaíba pode seguir muito elevado, entre 4 metros e 5 metros, por cinco a 10 dias, afirmou o hidrólogo da Sala de Situação, Pedro Camargo. Na manhã do sábado (4), a rua da sede do Sindicato dos Aeroviários já estava sendo atingida pela água da cheia.


Dos 496 municípios, 364 do estado registraram algum tipo de problema.Os mortos chegam a 83 e são quatro os óbitos em investigação; há 111 desaparecidos e 291 pessoas feridas. São mais de 141 mil trabalhadores e trabalhadoras fora de suas casas e 873.275 mil pessoas afetadas em todo estado, sendo que 129.279 estão desalojadas, sendo que deste total  20.070 pessoas estão em abrigos.



Até o momento, a população em situação de risco tem sido encaminhada para a sede do Sindicato dos Metalúrgicos (na Avenida do Forte n° 77, telefone: (51) 3371-9000) e o Sindicato dos Aeroviários (na Augusto Severo n°82, telefone: (51) 98162-9721) na capital. Esses locais também são pontos de coleta para doações de alimentos, produtos de higiene pessoal, roupas, cobertores e água.

 

As cozinhas comunitárias do Projeto CUT Comunidade estão mobilizadas para ajudar a população, preparando refeições e também recebendo doações. Veja a lista:

 

- Associação Força e Coragem de Reciclagem (Mario Quintana)

- Associação de Moradores Força Maior da Pedreira (Cruzeiro)

- Associação Comunitária Marmitas Solidárias da Morena (Mario Quintana)

- Cozinha Solidária da Tia Beti (Bom Jesus)

- Cozinha Solidária Casa do Pedrão (Vila Mapa)

- Cozinha Solidária Povo da Capoeira (Santa Tereza)

- Cozinha Scalabrini Morro Quente (Morro Quente)

- Cozinha Solidária na Dique (Vila Dique)

 

O Sindicato dos Metalúrgicos de Canoas começou a receber as famílias que foram orientadas a evacuar os bairros alagados. A entidade colocou o Ginásio de Esportes à disposição do Poder Público do Município na tarde de quinta-feira (02) e na madrugada cerca de 150 pessoas, adultos e crianças, se dirigiram ao local. Com o aviso de evacuação do bairro Mathias Velho, a entidade se prepara para receber mais desalojados.

 

Todas as doações recebidas no Pix da CUT-RS estão sendo direcionadas na compra de alimentos, produtos de higiene pessoal e demais demandas que os abrigos precisam. A nossa responsabilidade é ajudar a população que precisa nesse momento!

 

Depósito bancário para doação

As doações também poderão ser feitas na conta bancária da CUT-RS:

- Cresol (133)

- Agência 5607

- Conta corrente 18.735-6

- CNPJ: 60.563.731/0014-91

- PIX: 51996410961

 

Mais informações podem ser obtidas junto aos sindicatos de regiões atingidos:

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Encantado) – 51 3751.1458

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Lajeado) – 51 3710.1313

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Estrela) – 51 3720.3088

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Roca Sales) – 51 3753.2220

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Montenegro) – 51 3632.2101

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (São Sebastião do Caí) – 51 3635.1282

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Serafina Corrêa) – 54 3444.1202

Sindicato dos Trabalhadores na Alimentação (Marau) – 54 3342.4546

Sindicato dos Trabalhadores da Saúde (Passo Fundo) – 54 3312.1555

Sinpro (Ijuí) – (55) 3332-8028

Sindserv (Caxias do Sul) – (54) 3228-1160

Sindicato dos Moveleiros (Bento Gonçalves) – 54 3223.2192

Sindicato dos Municipários (Bento Gonçalves) – 54 3055.2007

Assufsm Sintest (Santa Maria) – (55) 3220-8123

Sindicato dos Bancários (Santa Rosa) – (55) 3512-6575

Sindicato dos Bancários (Porto Alegre) – (51) 3030.9400

 

Com informações do SUL 21

Commentaires


bottom of page